Polícia Militar prende acusados de assassinar comerciante de Juazeirinho

A Segunda Companhia Independente da Polícia Militar de Mamanguape, prendeu dois suspeitos, sendo um deles menor da idade, do assassinato do comerciante juazeirinhense Gentil Nascimento.

Gentil era proprietário de uma padaria no distrito de Várzea Nova, município de Santa Rita, e foi sequestrado na última sexta-feira (4) e morto com requintes de crueldade.

Seu corpo foi encontrado sob as águas do açude da Pedreira, na cidade de Mamanguape, na manhã de segunda-feira (7), em avançado estado de decomposição, com as mãos amarradas para trás, além de uma pedra de tamanho médio amarrada aos pés do comerciante.

O major Alberto Filho, comandante da 2a CPM de Mamanguape, disse à TV Correio, que por força de denuncia anônima, foram presos de imediato dois suspeitos de participação no crime e que eles já teriam confessado o assassinato.

Outros dois acusados, sendo um deles menor de idade, conseguiram fugir.

À polícia, os assassinos confesso, contaram uma história estapafúrdia.

Eles disseram que Gentil teria ido no sábado (5) tentar sequestrar um irmão menor dos acusados, sendo essa versão desprovida da menor verossimilhança, haja vista que o comerciante era um homem pacato e vivia apenas para o trabalho e a sua família, tendo a vizinhança atestado sua conduta ilibada.

 Eles também relataram que Gentil teria morrido porque foi amordaçado com força e colocado dentro da mala do veículo sem poder respirar.

Quando foram tirá-lo do porta-malas, o comerciante já estava quase sem vida e eles, na tentativa de ocultar o cadáver, o jogaram dentro do açude com as mãos amarradas e um pedra presa ao pé.

Os assassinos presos foram levados à Delegacia Seccional de Polícia Civil (DSPC) de Mamanguape para serem interrogados e estão a disposição da Justiça.

As diligências para a captura dos outros dois suspeitos prosseguem.

Paraíba Mix

Heleno Lima / TV Correio

Por: Junior Queiroz em 8 de fevereiro de 2022

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.