Prefeito de Coxixola explica sobre inadimplência do município e se diz perseguido

givaldo_gabinete

O prefeito de Coxixola, Givaldo Limeira, foi surpreendido com a informação de que o município de Coxixola estaria inadimplente com o CAUC do Governo Federal, mesmo sabendo da organização com a qual sua gestão conduz as finanças e administração da pequena notável.

Ao analisar o Relatório de Situação Fiscal do município junto a Secretaria da Receita Federal, o gestor descobriu que havia de fato uma inadimplência no CNPJ da Prefeitura, mas esta foi provocada por pendências da Câmara de Vereadores, cujo CNPJ está vinculado à Prefeitura Municipal.

O Relatório da Receita Federal revela que as pendências do Legislativo que ocasionaram a inadimplência do município são referentes aos anos de 2011 a 2013, momentos em que a Câmara foi administrada pelos ex-presidentes Carlinhos e Fábio Oliveira.

O prefeito Givaldo Limeira disse que acionou imediatamente o atual presidente Robério Gonçalves para sanar as pendências, mas garantiu que ainda assim a inadimplência não prejudicou em nada o município. “A denúncia tinha um único objetivo: me atingir e manchar a imagem de uma gestão responsável e que preza pela organização e planejamento administrativo. Mas nós continuaremos com a verdade e o trabalho, instrumentos através dos quais toda mentira e todo ódio será dissipado”, ponderou o gestor.

Givaldo ainda desabafou e lamentou a atitude de um radialista de Serra Branca, que talvez revoltado por não ter conseguido emplacar um alto contrato com a Prefeitura de Coxixola, tenta todos os dias confundir a opinião dos coxixolenses e da região do Cariri de que temos um município desorganizado e uma gestão ineficiente, o que por diversas provas já mostradas seus argumentos não se sustentam e sua intenção maldosa se mostra clara.

Com Ascom

Por: Junior Queiroz em 26 de fevereiro de 2016

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *