Suspeito de matar vereadora caririzeira ainda não foi localizado e Polícia segue nas investigações

A Polícia Civil ainda não conseguiu localizar o empresário Manoel Ângelo, principal suspeito de matar a vereadora Tina de Manoel Ângelo, de Prata, no Cariri. A parlamentar foi assassinada a tiros pelo ex-marido no dia 03 de abril na zona rural de Monteiro.

A suspeita inicial era que o empresário tivesse fugido para Pernambuco, mas ele não foi encontrado no estado vizinho. A reportagem apurou que a Polícia Civil tem avançado nas investigações, mas pelo fato do caso está em sigilo não é possível divulgar mais detalhes.

Tina da Manoel Ângelo foi assassinada na frente da irmã e da sobrinha. Ela deixa uma filha de 12 anos. O principal início é que o crime tenha sido cometido após Manoel não aceitar o fim do relacionamento com Tina.

O assassinato aconteceu um dia antes da realização de uma audiência que trataria do divórcio da vítima com o acusado.

Paraíba Mix

Mais PB

Por: Junior Queiroz em 12 de abril de 2022

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.