MDB e PSDB estudam federação; união das siglas pode trazer efeitos na Paraíba

O PSDB e o MDB iniciaram negociações para formar uma federação. Os líderes das legendas, inclusive, se encontram presencialmente nesta quarta-feira (2) para debater o assunto. Através das redes sociais, os presidentes das siglas se manifestaram sobre a reunião de hoje, tornando público o encontro entre dois importantes partidos na Câmara e Senado Federal.

Efeitos na Paraíba

Na Paraíba, o PSDB lançou a candidatura de Pedro Cunha Lima (PSDB) ao Governo do Estado pela oposição. O MDB, por sua vez, já anunciou interesse em lançar o senador Veneziano Vital para a disputa da chefia da executiva estadual.

Apesar de divergências antigas, principalmente por disputas em Campina Grande, diante de um cenário de federação, é possível que os partidos se unam em um eventual segundo turno contra o governador João Azevêdo, que tem no MDB uma base aliada, mas que recentemente convive com o afastamento do senador Veneziano Vital.

Federação MDB e PSDB

Uma possível aliança entre PSDB e MDB pode somar aos partidos cerca de 66 deputados federais. Atualmente, cada legenda tem cerca de 33 deputados federais. No Senado, o MDB é mais forte com 16 parlamentares contra 6 do PSDB.

Vale lembrar que ambos os partidos já anunciaram ter pré-candidatos à Presidência da República: o governador de São Paulo, João Doria, do lado dos tucanos e a senadora Simone Tebet, de Mato Grosso do Sul, do lado dos emedebistas. Portanto, uma possível união colocaria em confronto duas candidaturas presidenciais.

Apesar do início da negociação, tanto o PSDB como o MDB tem conversas em andamento para formar federação com o Cidadania. A sigla, que já foi representada pelo PPS, no entanto, vai aguardar uma reunião interna que deve acontecer no próximo dia 15, para decidir qual partido é o favorito da executiva nacional para formar aliança.

MaisPB

Por: Junior Queiroz em 2 de fevereiro de 2022

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.