Prefeito de Boa Vista, André Gomes, flexibiliza medidas restritivas contra a Covid-19, mas submeterá decreto a análise do MP

O município de Boa Vista adotará medidas mais restritivas para diminuir a disseminação do Covid-19 e proteger a população. O prefeito se reuniu com os segmentos e pediu a união de todos no atendimento às medidas, que seguem até dia 27 pelo menos.

Nesta sexta-feira (12), o prefeito André Gomes (PDT) se reuniu com líderes religiosos e com os proprietários de bares, restaurantes, lanchonetes, mercadinhos e similares para informar sobre as novas ações, esclarecer dúvidas e ouvir sugestões para ampliar o enfrentamento à Covid-19 no município, endurecendo algumas regras e seguindo parte do Decreto Estadual nº 41.086.

Boa Vista encontra-se na bandeira laranja, assim como outros 210 municípios paraibanos, conforme a 20º Avaliação Epidemiológica do Plano Novo Normal Paraíba, devendo tomar medidas mais restritivas e enérgicas para deter o avanço do coronavírus no município.

“Temos hoje em Boa Vista, 11 pessoas positivas pra Covid-19, 3 pessoas internadas e outras 2 na UTI em decorrência dessa doença e mais de 60 pessoas sendo monitoradas por apresentarem síndrome gripal, e esses números são os piores desde o início da pandemia, o que assusta a todos” revela o prefeito.

André Gomes lembrou que o intuito da administração municipal é que não seja necessária a medida extrema de fechar tudo, mas para isso “é preciso a união e compreensão de todos, seguindo as medidas, os protocolos de segurança e atendendo o que determina a legislação sanitária”. As novas medidas já começam a valer a partir deste sábado, dia 13.

O decreto do Governo da Paraíba, adotando novas medidas emergenciais, vedava o funcionamento de alguns estabelecimentos comerciais em grande parte do horário comercial, mas em comum acordo entre prefeitura e comerciantes, algumas regras serão flexibilizadas, desde que todos cumpram integralmente as medidas publicadas pelo poder executivo municipal. As novas medidas serão informadas ao Ministério Público da Paraíba.

FUNCIONAMENTO: As igrejas, templos e demais instituições religiosas, são consideradas pela administração municipal como atividade essencial, e poderão funcionar com limitação de 40% de sua capacidade, desde que atendam as regras sanitárias e incentivem os fiéis a respeitarem os protocolos de segurança. A prefeitura se prontificou a dar suporte na distribuição de máscaras e álcool em gel a estas entidades.

Os estabelecimentos comerciais, como bares, restaurantes, lanchonetes, mercadinhos e similares, poderão funcionar de segunda à sexta até as 19 horas e aos finais de semana permitindo-se a abertura apenas no sábado até as 16 horas. Todos deverão fazer valer as regras sanitárias e exigir o cumprimento do uso de máscara de proteção e o distanciamento pelos funcionários e clientes.

Paraíba Mix

Ascom

Por: Junior Queiroz em 13 de março de 2021

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *