Justiça Federal condena ex prefeito de São João do Cariri por improbidade administrativa.

 

A Justiça Federal de Monteiro, através do Juiz Rodrigo Maia da Fonte, condenou o ex prefeito de São João do Cariri, Beto Medeiros, por improbidade administrativa, em decorrência de irregularidades no convênio 704374/2009.

O convênio, que tinha por objetivo a realização do I São João Fest, não teve o objeto suficientemente comprovado, segundo relata o Ministério Público Federal em sua ação.

Também foram condenados Jéssica Gonçalves Vidal, filha do ex-prefeito de Gurjão José Carlos Vidal, e o ex-secretário da Prefeitura de São João do Cariri Josedi Pereira de Araújo, conhecido como Didi.

Segundo a sentença, o ex-prefeito Beto Medeiros terá que devolver o correspondente a 10% do valor do convênio, estimado em mais de R$ 300.000,00, além de ter seus direitos políticos suspensos o que lhe coloca fora da disputa eleitoral para o próximo ano, caso não recorra da decisão. Os demais também ficariam inelegíveis e proibidos de contratar com o poder público e até, de exercer cargos públicos.

Paraíba Mix

Por: Junior Queiroz em 27 de novembro de 2019

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *