O PT de Serra Branca entre Guilherme, Galeguinho e uma utopia, por Júnior Queiroz

Uma das marcas históricas do PT de Serra Branca é a organização. Tudo é bem organizado, pensado e definido em reuniões. Mas nem toda a organização da legenda conseguiu fazer com que a sigla definisse com antecedência os rumos para as eleições 2020.

Em Serra Branca os demais grupos já definiram suas pré-candidaturas com os nomes de Souzinha (PP) e Flávio Torreão (PSDB), mas ainda não se tem fumaça branca saindo da chaminé petista/pedetista.

O partido fez oposição durante os quatro anos do governo Souzinha e definiu por fazer o debate das políticas públicas do município através de seus vereadores na tribuna da câmara, redes sociais e rádios, mas não optou por fortalecer politicamente um nome para o pleito. Claro que isso foi naturalmente dificultado, porque o nome de maior potencial da legenda, Professor Galeguinho se absteve do processo, após a derrota de 2016 e só retornou aos holofotes nos últimos tempos.

Na política não existe espaço vazio e nesse vácuo surgiu a possibilidade Guilherme Gaudêncio (PDT), que já vem alinhado com o grupo há um bom tempo e contou com um mandato de vereador para auxiliar nas suas aparições públicas e discussão da cidade nesses quatro anos.

Guilherme conta com a tese que é o único a poder conquistar o voto além-PT e a simpatia de vários nomes internamente, mas enfrenta resistência numa ala tradicionalmente ligada ao professor Galeguinho, que defende a candidatura própria do PT com outra chance de disputa para o professor. Além disso, ainda ronda numa sub-ala minoritária uma utopia de que Galeguinho poderia atrair, através do vice-prefeito Joda Zuza o grupo do PSDB para assim ser candidato único das oposições.

Dividido entre esses dois nomes o partido sabe que chegou o momento de definir sua pré-candidatura, pois no calendário da política local estamos no período de conquistar apoio das lideranças comunitárias e conheço várias que só discutem qualquer questão com aquele que realmente possa ser o dono da caneta.

Júnior Queiroz é radialista e Diretor do Portal Paraíba Mix

Por: Junior Queiroz em 9 de julho de 2020

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *