Governo do Estado confirma construção de sistema para captar água da Transposição e abastecer o Cariri

 

O diretor de expansão da Cagepa, Simão Almeida, esteve ontem no Cariri apresentando o plano de abastecimento da região a partir da chegada das águas do São Francisco. Segundo ele, a instituição já preparou o projeto e estará nos próximos dias licitando a empresa que fará um sistema para captar água da transposição no leito do Rio Paraíba e encaminhá-la para a Estação de Tratamento da Adutora do Congo.

Simão explicou que a reclamação constante da população em relação à falta de água se dá porque com a pouca capacidade de água do açude de Sumé, a Cagepa está retirando apenas 30 litros por segundo do manancial, quando o ideal seria 100.

Ainda segundo ele, o atual sistema de abastecimento com água do açude de Sumé deverá permanecer ativo por até 70 dias, momento suficiente para que os caririzeiros já tenham acesso á água do São Francisco.

Simão Almeida ainda falou dos prazos para conclusão desta obra e a previsão de quando a população do Cariri terá plena segurança hídrica com as águas do São Francisco.

 

com De Olho no Cariri

Por: Junior Queiroz em 1 de fevereiro de 2017

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *