Bispo celebra Missa no Santuário de Nossa Senhora dos Milagres

Sem sombra de dúvidas, hoje é um dia festivo para toda Igreja pelo fato de celebrar a Natividade de Nossa Senhora, contudo, há motivos a mais na cidade de São João do Cariri-PB, porventura das festividades da Padroeira Nossa Senhora dos Milagres.

E com esse espírito alegre e festivo, o Bispo Diocesano de Campina Grande, Dom Dulcênio Fontes de Matos, presidiu Missa no Santuário de N. Senhora dos Milagres, na manhã desta quarta-feira (08). Concelebrando com o Senhor Bispo, além do Reitor e Pároco Padre Assis Meira, outros sacerdotes diocesanos estiveram presentes. O Diácono Antônio Tributino foi o Assistente Litúrgico que contou com o apoio dos Seminaristas no serviço.

Fiéis devotos da paróquia e tantos outros que vieram de lugares longínquos para esta missa, e os fiéis que acompanharam à distância pelas redes sociais, tornaram este momento participativo, oracional e votivo à Nossa Senhora dos Milagres. Além disso, autoridades civis do município também marcaram presença.

A homilia

A homilia de Dom Dulcênio foi uma bela reflexão sobre a luz que é Maria, a grande intercessora dos seus filhos. O Bispo lembrou que a vida de Nossa Senhora é um grande dom, é como uma estrela brilhante no céu inapagável, que da glória divina sempre derrama suas bênçãos e proteção ao seu povo. Disse ainda que Nossa Senhora foi o membro mais excelso da espiritualidade dos que esperam em Deus.

“A imagem de Nossa Senhora nos lembra que do céu junto do seu Filho Jesus, nós temos uma mãe, que olha por nós, que nos protege, que nos presenteia com os milagres que vem do alto. Como diz Santa Teresa de Lisieux – Ela está próxima de cada um de nós, sofre com cada filho que sofre e lhe dedica toda delicadeza e os cuidados que uma mãe desvela aos seus filhos – Por isso a nossa confiança em Nossa Senhora”, pregou.

O arremate da sua pregação foi uma prece junto aos fiéis. Dom Dulcênio, ao voltar-se para a Imagem de Nossa Senhora dos Milagres, pediu pelo fim da pandemia, pelas famílias em luto, bem como as que ainda sofrem acometidas por conta do coronavírus:

“Hoje ainda vivendo os tempos difíceis de pandemia, quero colocar aos pés das Mãe dos Milagres todas as famílias atingidas de algum modo por essa triste peste e doença, por isso te peço Mãe Maria por todas as famílias que devolveram a Deus seus entes queridos, e te suplico Mãe Maria por todas as famílias que ainda sofrem com a dor da separação; te rogo Mãe Maria por todas as famílias que se desestruturam por algum motivo. Te entrego Mãe Maria a nossa Igreja, nossa barca que está tão agitada pelas ondas do mar. Roga por nós, Mãe dos Milagres, grande advogada! Roga por nós para que nunca esqueçamos do imenso amor que tens por cada um de nós!”, concluiu.

Por: Junior Queiroz em 8 de setembro de 2021

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *