Cabo da PM é preso suspeito de espancar mulher, na Paraíba

Um cabo da Polícia Militar, de 37 anos, foi preso neste sábado (1º) suspeito de espancar uma mulher, de 31 anos, no bairro dos Bancários, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Civil, Rui da Silva Nóbrega foi enquadrado na Lei Maria da Penha, também por ameaça e lesão corporal dolosa devido à violência doméstica. O suspeito foi liberado na noite do mesmo dia.

Uma equipe da Polícia Militar esteve no local das agressões e fez a prisão do cabo. Ele era lotado no 5º Batalhão da Polícia Militar e foi conduzido para o 1º Batalhão da Polícia Militar, onde permanece detido.

A delegada Ivanisa Olímpio de Almeida autuou o policial por violências física, psicológica e moral, injúria, ameaça e lesão corporal dolosa. Na noite do mesmo dia, o sargento ganhou liberdade provisória concedida pela vara única da comarca de Pedras de Fogo, com as condições de não se aproximar da vítima, não manter contato com ela por nenhum meio e comparecer mensalmente na Justiça.

Lei Maria da Penha

A Lei Maria da Penha completa 14 anos na próxima sexta-feira (7), e cumpre o objetivo de punir, de forma adequada, e também coibir, atos de violência doméstica contra a mulher. Nela, estão previstos os crimes de violência física, sexual, psicológica, moral e patrimonial.

G1

Por: Junior Queiroz em 3 de agosto de 2020

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *