Polícia detém dois dos suspeitos de assassinar homem no Parque do Povo

A Polícia Civil deteve na cidade de Bayeux, Região Metropolitana de João Pessoa dois dos suspeitos de assassinar o vendedor Davson Oliveira Barbosa, de 30 anos, durante o show do cantor Wesley Safadão, no Parque do Povo, em Campina Grande. Foram detidos no início da noite desta terça-feira (20) um adolescente de 17 anos e um adulto de 29 anos.

De acordo com a polícia, após a divulgação das imagens dos suspeitos pela imprensa, foram realizadas buscas para tentar localizá-los. As buscas resultaram na apreensão do adolescente e na prisão do homem, acusados de envolvimento no crime.

Um dos suspeitos foi reconhecido pelos agentes do Núcleo de Homicídios de Bayeux por já ter sido preso na Operação Surdina. De acordo com o delegado Pedro Ivo, os policiais de Bayeux entraram em contato com Campina Grande e forneceram imagens para verificar se as pessoas que eles suspeitavam eram as mesmas que apareciam no vídeo.

Durante o depoimento, o adulto confirmou que tanto ele quanto o adolescente estavam em Campina Grande na noite do crime “Eu coloquei as imagens do circuito de segurança para ele ver e o maior confirmou que eles saíram daqui para Campina Grande em um ônibus fretado, participaram dos festejos e confessou que estavam dentro do banheiro como as imagens mostram. Ele disse ainda que as outras duas pessoas que aparecem nas imagens perto deles no banheiro são conhecidas deles”, disse o delegado seccional Magno Toledo.

Segundo testemunhas, Davson Barbosa esperava um amigo sair do banheiro quando quatro suspeitos o abordaram, anunciando o assalto. Ele avisou não estar com nenhum pertence e saiu. Ao dar as costas, foi esfaqueado e morreu ainda no local.

Os dois suspeitos foram entregues no início da noite à equipe da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) de Campina Grande responsável pelo inquérito policial. Eles foram levados para a Central de Polícia que fica no bairro do Catolé para que seja feito o auto de reconhecimento e identificar se eles estão envolvidos ou não no latrocínio que teve com vítima o comerciante.

 

clickpb

Por: Junior Queiroz em 21 de junho de 2017

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *