Liderança diz que caririzeiros não vão esquecer os deputados que livraram Temer e estão votando contra os trabalhadores

A Câmara Federal aprovou na semana passada o relatório da Comissão de Constituição e justiça (CCJ) de autoria do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB), que recomendava a rejeição as graves denúncias do procurador Geral da República por crime de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer.

Mesmo diante das graves denúncias, 263 deputados votaram pela não investigação do presidente que atualmente é rejeitado por mais de 90% da população brasileira. Entre os deputados, seis paraibanos disseram sim ao parecer para que Temer não fosse investigado.

O líder da oposição em Coxixola, candidato a prefeito nas últimas eleições, Valmi Oliveira disse que a população não esquecerá a posição vergonhosa dos deputados André Amaral (PMDB), Hugo Mota (PMDB), Aguinaldo Ribeiro (PP), Benjamim Maranhão (SD), Rômulo Gouveia (PSD), Efraim Filho (DEM) e Wilson Filho (PTB).

“São esses deputados que não permitiram que o presidente Temer fosse investigado, que votaram a favor da retirada de direitos de milhares de trabalhadores, apoiam a extinção de programas sociais, e vão votar para que milhares de brasileiros não venham mais a ter acesso ao sistema de aposentadoria”, disse o petista.

Segundo Valmi é necessário que no próximo ano a população dê uma resposta aos parlamentares que votaram contra os interesses do povo.

“Tenho certeza que o povo do cariri e da Paraíba vai lembrar, de cada um desses senhores que tem envergonhado o nosso Estado. A população também estraá de olho nas lideranças da região que oferecem seu apoio à determinados deputados em troca de vantagens pessoais” finalizou.

Paraíba Mix

Por: Junior Queiroz em 7 de agosto de 2017

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *