“Dia D” de vacinação contra a Covid-19 em Serra Branca gera aglomeração e falta de vacinas para público anunciado

Aglomeração desnecessária, falta de planejamento e contratestemunho às próprias regras sanitárias foram o resultado da vacinação agendada pela Prefeitura de Serra Branca nesta sexta-feira (11), na unidade de saúde próximo ao Batalhão.

Convocando para receber a vacina um público “elástico” de 40 a 59 anos de idade (sem comorbidades), a Secretaria de Saúde promoveu exatamente aquilo que condena: uma aglomeração de quase 1000 pessoas desde as primeiras horas da manhã em frente ao local de vacinação.

Populares começaram a chegar ainda de madrugada e por volta das 7 da manhã já não havia mais fichas para a vacinação. Muita gente foi obrigada a chegar e voltar sem serem imunizadas, mas em geral ficaram aglomerando em frente ao ponto em busca de explicações e vacinas. Mesmo os que conseguiram fichas, permanecem a manhã inteira amontoados a espera de serem chamados para a vacina. Fora do posto, estavam montadas duas tendas, que mal cabiam um terço do público que estava presente e aguardava sua vez de se vacinar.

Grande parte do público que tem direito, mas não conseguiram fichas voltaram para casa pedindo mais organização nas próximas etapas de vacinação.

A Secretária de Saúde, Monique Dantas, disse que o problema de ter reduzido a faixa etária da vacinação se deu porque o público de 50 a 59 anos não estava mais indo se vacinar. A auxiliar lamentou a aglomeração, mas atribuiu a culpa ao público que foi e ao não receber ficha permaneceu no local. Monique disse que avaliará a atual forma de convocação para receber a vacina.

Paraíba Mix

com De Olho no Cariri

Por: Junior Queiroz em 11 de junho de 2021

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *