Pescadores artesanais do Congo recebem curso de introdução à piscicultura

A Prefeitura do Congo, no Cariri, promoveu um curso de introdução à piscicultura, juntamente com o Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAR),  para pescadores artesanais do município, com o objetivo de melhorar  o local de implantação de tanques, manejo e o abate de peixes. O curso teve inicio no dia 17 de setembro e foi concluído hoje.

piscicultura é um dos ramos da aquicultura, que desenvolve o cultivo de peixes e outros organismos aquáticos. Essa modalidade de criação cresceu muito nos últimos anos e movimenta uma parte importante da economia do mercado no Brasil e no Congo não é diferente.

“É um compromisso do governo municipal melhorar a piscicultura manejada e sustentável e colaborar para ampliar o potencial produtivo de peixes do município e dessa forma contribuir com avanços progressivos na qualidade de vida da população”, expressou o prefeito, que acompanho de perto o curo, ao lado da vice-prefeita Flávia.

O Açude Cordeiros, com capacidade de quase 70 milhões de metros cúbicos, está localizado no Congo, movimentando a economia do município por meio da agricultura, pesca e piscicultura.

Por: Junior Queiroz em 19 de setembro de 2021

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *