Passa para 36 número de municípios paraibanos que confirmaram a não aplicação de vacinas vencidas; apenas uma cidade assumiu erro – CONFIRA

A secretaria estadual de Saúde (SES) informou, nesta terça-feira (6), que 36 municípios paraibanos já comunicaram oficialmente que não aplicaram doses vencidas da vacina AstraZeneca contra a Covid-19, conforme foi publicado pelo jornal Folha de S. Paulo na última sexta-feira (2). Segundo levantamento feito pelo jornal, 26 mil doses vencidas da vacina foram aplicadas no Brasil, sendo 253 delas na Paraíba, em mais de 40 cidades.

No mesmo dia da publicação do levantamento, a assessoria de imprensa da SES informou que o problema poderia ser oriundo ou de erro de registro ou na demora dos municípios em aplicar as doses, uma vez que a secretaria realiza a entrega das doses recebidas pelo ministério da Saúde dentro de um intervalo de 24h.

Até a manhã desta terça, 36 cidades já afirmaram que seus nomes constam no levantamento da Folha por “erro de registro” na data da vacinação no sistema do Ministério da Saúde, entre elas João Pessoa e Campina Grande.

Ainda segundo a secretaria, apenas uma cidade paraibana admitiu que houve a aplicação de vacinas vencidas. Foi Alagoa Grande, que confirmou ter aplicado 72 doses. A prefeitura explicou que aproximadamente dois meses atrás percebeu o erro, e tão logo isso aconteceu entrou em contato com a secretaria estadual de Saúde para informar o problema e solicitar o reforço na vacinação dessas pessoas. As pessoas prejudicadas estão sendo imunizadas com uma terceira dose.

As cidades que afirmaram erro de registro são:

João Pessoa
Campina Grande
Sertãozinho
Itabaiana
São José de Piranhas
Cajazeiras
Mamanguape
Itapororoca
Baraúna
Cabedelo
Queimadas
Esperança
Boa Vista
Taperoá
Remígio
Itaporanga
Nova Floresta
São José dos Cordeiros
Triunfo
Caldas Brandão
Santa Terezinha
Emas
Mulungu
Massaranduba
Sousa
Vieirópolis
Pombal
Marizópolis
Lagoa
Jacaraú
Caaporã
Rio Tinto
Riachão do Poço
Catolé do Rocha
Brejo dos Santos
Alhandra

Por: Junior Queiroz em 6 de julho de 2021

GOSTOU? CURTA, COMPARTILHE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *